quarta-feira, 11 de julho de 2012

Leia isso: Mil dias na Toscana


Delícia de leitura, romance, vida, boa comida, bons vinhos, e o mais gostoso de tudo ... a Itália !!!!

Há alguns anos, quando se conheceram, Marlena e Fernando se apaixonaram à primeira vista e começaram a viver uma história de amor que mais parecia um conto de fadas. Agora, decidem que chegou o momento de dar adeus a Veneza, onde tudo começou, e partem em busca de uma vida mais tranquila na Toscana.

Aqui um trecho do livro:
Flores de abobrinha, verduras e ervas finas

1 1/2 xícara de farinha de trigo
2 xícaras de cerveja
1/2 xícara de água fria
2 colheres de chá de sal refinado
3 cubos de gelo
óleo de amendoim ou azeite extravirgem para fritar
flores de abobrinha, de Nastúrcio e de borragens lavadas, secas e com os caules cortados
folhas de sávia inteiras, lavadas e secas
folhas de aipo cortadas ao comprido, lavadas e secas
cebolinha cortada com aproximadamente 10 cm de comprimento, lavada e seca
água com sal em um borrifador novo

Em uma tigela grande, bata com um garfo a farinha, a cerveja, a água e o sal para formar uma leve mistura para empanar. Deixe descansar por cerca de uma hora, coberta e em temperatura ambiente. Acrescente os cubos de gelo e deixe descansar por mais meia hora. Bata a mistura novamente. Ela deve estar lisa e com textura de creme de leite. Se estiver grossa demais, acrescente algumas colheres de sopa de água fria até obter a textura ideal.
Em fogo médio, aqueça o óleo em uma frigideira funda ou em uma panela pesada; certifique-se de usar óleo suficiente (cerca de 7cm de profundidade). Quanto mais lento, mais uniforme será o aquecimento do óleo, ajudando a evitar pontos quentes e frios e fritando os alimentos por igual. Teste o óleo com um cubinho de pão. Se o pão chiar e ficar dourado em poucos segundos, o óleo está na temperatura certa.
Passe as flores, as ervas e a cebolinha pela mistura para empanar e escorra o excesso. Coloque-as no óleo quente e deixe-as fritar por cerca de meio minuto, permitindo que se forme uma crosta escura. Vire-as com pinças e termine a fritura, depois, remova-as com uma escumadeira e coloque-as sobre papel toalha. Borrife imediatamente as flores e ervas fritas com água salgada morna e mantenha-as no forno aquecido a 100º enquanto frita a leva restante. Ou, melhor ainda, reúna as pessoas em volta do fogão e vá comendo conforme for preparando. Esta é uma entrada muito informal.

- fiquei loka de vontade de experimentar essas flores ... acho até que vou plantas abobrinhas no meu mini jardim ....


Marlena e Fernando .....

6 comentários:

Luma Rosa disse...

O tipo de livro que faz você assaltar geladeira!!
Não sei o que é Nastúrcio, borragens...
Boa semana!! Beijus,

Ana Maria Tricô disse...

Oi Silvana, vi vc no Face e resolvi visitar seu blog, parabéns vc tem lindos trabalhos.
Faça uma visitnha ao meu tbem
http://anamariatrico.blogspot.com
bjão!!!

Brechique da Dodoca disse...

Ai, Silvana,
não tenho conseguido ler um livro há meses! Deu uma vontade!
Vou providenciar uma leitura para aquecer os tamborins! rssssssssssss
Bjsssssssssssss, quérida!

Cíntia disse...

Ualllllllllll,Sil!!!Parece uma leitura mágica.Obrigada pela dica,beijosss.

Jussara Gehrke disse...

Esse lívro é uma delicia!!!

e tem os outro dela que também adorei, o primeiro é o "1000 dias em Veneza", ótimo!

comprei os 2 seguintes, mas não li ainda, estão na minha filinha de espera.

beijo
Ju

Lenise Souza disse...

Oi Silvana, também fiquei louca de vontade de comer estas flores de abobrinha quando li o livro, aliás este e todos os livros da Marlena no aguçam o paladar...além da vontade de correr para Itália...heheh

Beijos querida! Vou te visitar sempre por aqui!

Lenise.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...